Muitas pessoas costumam nos perguntar nos eventos em que participamos sobre como nós conseguimos administrar nossa equipe e porquê nós escolhemos colaboradores que gostem de trabalhar em regime de Home Office – trabalhar em casa –.

Como Começou?

Para responder isso, eu tenho que voltar um pouco no tempo e contar como eu comecei a ter contato com o Home Office.

Tudo começou quando me mudei para São Paulo e comecei a empreender em meus primeiros projetos, tendo que lidar juntamente com meu mestrado, como podem imaginar, eu possuía horários bem malucos.

Comumente, eu ia para a cama às 6h da manhã, acordava as 13h, estudava até as 18h, fazia uma pausa e depois trabalhava até aproximadamente às 6h da manhã. E fiz isso durante muito tempo.

O que aprendi com isso?

Com essa experiência, pude aprender que cada um tem um ritmo de trabalho – por mais louco que esse ritmo seja –, e não tem porquê eu exigir que meu colaborador chegue na empresa as 9h da manhã, fique até as 18h e ainda produza trabalhos de qualidade, isso simplesmente não funciona mais.

Tenho estudado cada vez mais o comportamento humano, principalmente de programadores e publicitários, e aplicando técnicas diferenciadas para gerenciamento de equipe e nossos resultados têm sido fantásticos.

Nós sabemos que a nossa geração possui diversas variáveis que devem ser consideradas quando buscamos produtividade, uma delas é conforto. Um colaborador que não esta confortável com sua rotina pode trabalhar 24h seguidas e ser menos produtivo que uma pessoa que trabalha 8h em um regime que lhe apresente benefícios.

Quer dizer que outras metodologias não funcionam mais?

Claro que não, longe disso!

Diferentemente de máquinas, possuímos características distintas e variam de indivíduo para indivíduo. O grande desafio de um gestor é identificar com qual metodologia cada programador produz mais resultados.

E é claro, nada substitui uma boa conversa no “olho no olho” quando há assuntos a serem decididos.

Benefícios que vão além do financeiro

São diversas as vantagens em permitir o trabalho em Home Office dos nossos colaboradores. Por exemplo, podemos citar que gastamos menos luz no escritório por causa das lâmpadas ou do ar-condicionado, menos cápsulas de café (e como essa galera gosta de café), etc…

Admito que é um tanto engraçado quando um possível cliente nos visita e se pergunta onde está boa parte da nossa equipe, e então eu explico a nossa filosofia de trabalho e como tem sido os nossos resultados. É muito gratificante ver o espanto/admiração por parte das pessoas na filosofia Bizziness de trabalho.

Ainda, recebemos no mínimo 3 currículos por semana de pessoas interessadas em trabalhar conosco.

Se interessou pela nossa filosofia ou pelos nossos serviços? Entre em contato conosco!